Segunda-feira, 24 de Dezembro de 2012

Boas Festas!

 

O Blog Simão Sabrosa 20 deseja a todos os seus visitantes um FELIZ NATAL e um BOM ANO DE 2013, recheado de vitórias, de sorrisos e de muitos momentos de magia.

publicado por Sara Branco às 13:20
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 20 de Dezembro de 2012

Simão marca a Deportivo com cinco portugueses em jogo

© Sportingtelenet

 

O Espanhol de Barcelona venceu esta quinta-feira o Deportivo da Corunha por 2-0 em jogo da 17ª jornada da Liga espanhola.

Foi Simão Sabrosa, titular da equipa catalã, quem inaugurou o marcador, aos 30 minutos, frente a uma Deportivo que jogou com os portugueses Bruno Gama, Pizzi e Diogo Salomão a titulares. Nélson Oliveira e André Santos ainda entraram e, dos portugueses, só Roderick ficou no banco.

Mas nem com toda a armada lusitana em campo, o Deportivo conseguiu chegar ao golo e, quase ao cair do pano, Stuani, aos 88 minutos, fez o 2-0.

Com esta vitória, o Espanhol deixa os lugares de despromoção. Já o Deportivo isola-se cada vez mais na última posição.

Ainda esta quinta-feira, a Real Sociedad recebeu e venceu o Sevilha por 2-1, com golos de Carlos Vela (18 m) e De La Bella (69 m), pela equipa da casa, e Medel (49 minutos), para a formação sevilhana.

 

Fonte: Maisfutebol

publicado por Sara Branco às 23:58
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 16 de Dezembro de 2012

Real Madrid empata (2-2) em casa com Espanhol

© Maisfutebol

 

Um golo de Ronaldo e outro de Coentrão não chegaram para o Real Madrid vencer o Espanhol, em mais um jogo penoso da equipa de José Mourinho.

O Real até começou bem, com o Espanhol fechado. Podia ter marcado logo cedo. Mas a bola não entrou e a equipa de Aguirre foi perdendo o medo. Por volta dos 20 minutos aproximou-se um pouco mais da frente. Sem perigo, mas sem dúvida mais perto.

Apesar de apresentar pouca dinâmica, o Real tinha quase sempre a bola. Mas sabe-se que isso nem sempre quer dizer muita coisa. Foi o sucedeu. Um passe central de Verdu isolou Sergio Garcia que aguentou a pressão, correu e rematou colocado. Golo, gelo.

O Real não conseguiu reagir. Mas mesmo assim chegou ao empate. Cruzamento de Khedira, antecipação de Ronaldo e golo. Em cima dos descontos, o Real evitava o desconforto de ir para o balneário a perder em casa com o modesto Espanhol.

Apesar do golo, Mourinho decidiu retirar um dos médios, Modric (que até atirara ao poste), e colocar Di Maria. De facto, aquilo era meio-campo a mais. Nem deu para ver como seria porque Coentrão fez 2-1 logo aos 47 minutos.

Mais uma vez Ronaldo, a aguentar e a assistir para o lateral que entrou na área em velocidade e finalizou de pé direito na pequena área. Muito bom. Depois de uma semana difícil para os portugueses do Real, eles davam a volta ao jogo.

Do outro lado, Simão assistia a tudo, provavelmente surpreendido. Três minutos, com intervalo pelo meio, tinham mudado a história do jogo.

O Real continuou muito forte até aos 65 minutos. Por essa altura o Espanhol conseguiu voltar a respirar, mas sem criar perigo. Simão estava entre os melhores da equipa catalã.

Apesar de tudo, a diferença mínima deixava alguma incerteza. O Real tinha desperdiçado a possibilidade de acabar com o jogo, fazer o 3-1. Mas não conseguiu.

Mourinho resolveu colocar Ronaldo na esquerda e lançar Morata, à procura de um movimento eficaz que descansasse toda a gente. Não apareceu. Houve até um susto, quando Capdevila finalizou em esforço ao lado da baliza de Casillas. E depois houve o golo do empate, a um minuto do fim. Incrível. O Espanhol a avisar, a avisar e Albin a finalizar na pequena área. Arbeloa a dormir.

Com quatro minutos para jogar, tempo de compensação, o Real mais não conseguiu do que acentuar a crise de resultados. Vai muito mal a equipa de Mourinho.

 

Fonte: Maisfutebol

publicado por Sara Branco às 21:10
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2012

"Sou do Benfica e espero que seja campeão"

© UEFA

 

Simão Sabrosa concedeu, em Barcelona, uma entrevista esclusiva a Bola Branca, onde abordou vários temas relacionados com o seu passado, presente e futuro. O actual jogador do Espanhol, demonstrou continuar atento à Liga portuguesa e abriu o coração para falar do "seu Benfica".

Simão falou da luta a dois, entre Porto e Benfica, sustentando que, como benfiquista, espera que os encarnados "sejam campeões, mas será uma luta até final". Numa análise à forma dos dois rivais, o jogador diz que ambos estão "a fazer um campeonato fantástico e que será decidido entre eles".

Desde que saiu da Luz, a possibilidade de voltar ao Benfica tem sido abordada na imprensa com insistência, mas Simão diz que, apesar de ter "uma excelente relação com o presidente [Luís Filipe Vieira]", o regresso nunca foi tema de conversa.

Sem saber o que o futuro lhe reserva, e depois de ter lido que o seu regresso tinha sido vetado por Jorge Jesus, Simão garante que sobre esse assunto nada lhe disseram.

O que o jogador guarda são boas memórias. Simão recorda que passou seis anos "fantásticos [na Luz] e fui muito feliz". "Continuo a acompanhar tudo à volta do Benfica."

 

Aventura turca no Besiktas


"Foi uma decisão super-rápida", assim define Simão a sua aposta no Besiktas. Após ter conquistado uma Liga Europa e uma Supertaça Europeia pelo Atlético de Madrid, o avançado rumou à Turquia aliciado "por uma proposta muito boa e pelo Schuster, que era o treinador". Sendo "um campeonato que desconhecia", garante que foi uma "experiência muito positiva".

No início desta temporada, Simão regressou a Barcelona, onde iniciou a sua carreira internacional. Só que desta vez o destino foi o Espanhol e não Camp Nou.

Simão fala de um "início complicado" e de um campeonato ao qual queria voltar, por ser "uma liga competitiva" e para "ser feliz no futebol". Por isso, espera em breve "voltar a sorrir e a jogar ao meu nível".

Simão Sabrosa tem ainda mais dois anos de contrato com o Espanhol, mas espera jogar "mais três ou quatro anos", assim o permitam as lesões e se "o corpo aguentar". Assegura o avançado que o final "está a ser planeado, porque tudo é planeado", mas "enquanto mantiver a mesma alegria e continuar a desfrutar do futebol, vou continuar a jogar muitos anos".

 

Adeus à selecção sem arrependimento


Em 2010, com 30 anos, Simão renunciou à seleção portuguesa. "Foi uma decisão pensada, ponderada. Não foi fácil, foram quase dois meses a pensar nessa situação."

Sem abrir o jogo, o antigo internacional português diz que, por ter sido uma decisão pensada, "não há direito a arrependimentos", mas que os motivos "são pessoais e ficarão sempre para mim".

A selecção portuguesa volta a encarar, em apuros, uma qualificação para a fase final de uma grande competição. Simão viu e sofreu por fora pela primeira vez o Euro 2012, destacando que foi uma presença "muito boa".

Agora, rumo ao Mundial do Brasil, "estamos numa situação difícil". "Nós portugueses já estamos habituados, mas estou confiante de que vamos estar no Mundial."

Simão Sabrosa abandonou a selecção com um total de 85 internacionalizações AA e com 22 golos marcados.

 

Fonte: Renascença

publicado por Sara Branco às 12:51
link do post | comentar | favorito

Simão acredita num grande "derby"

© UEFA

 

Simão Sabrosa, antigo jogador do Benfica e Sporting, aposta num "derby" equilibrado esta noite, em Alvalade. Actualmente ao serviço do Espanhol de Barcelona, o avançado revelou a Bola Branca que, na sua opinião, não há um favorito.
 
A experiência acumulada ao longo dos anos faz com que Simão veja o actual momento dos dois conjuntos como pouco importante para um confronto com estas características, até porque acredita que "os jogadores estarão supermotivados". O jogador não deixa, contudo, de sublinhar que "o Benfica está num bom momento e está em cima no campeonato, com o FC Porto".

Simão, ainda assim, recorde a máxima destes desafios: "O clube que está menos bem acaba sempre por ganhar. Esperemos para ver. É garantido que será um grande 'derby' e um grande jogo de futebol".


Desejo de voltar a ver o verdadeiro Sporting
Apesar de estar fora do país há alguns anos, Simão não deixa de continuar atento à Liga portuguesa, nomeadamente aos clubes por onde passou. A realidade desportiva dos leões não passa despercebida ao avançado. E

Em Bola Branca, desabafa que "como adepto e por ter um carinho pelo Sporting, onde cresci e joguei muitos anos, era impensável vê-lo assim". "Acredito que agora, com este treinador, os sportinguistas têm que confiar nele e nos jogadores para que rapidamente possam dar a volta."
 
Simão fala de "uma situação que não é normal" num clube como o Sporting, sendo "um clube enorme, muito grande e que merece estar a lutar pelo campeonato".

 

Fonte: Renascença

publicado por Sara Branco às 11:45
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 7 de Dezembro de 2012

Simão marca de cabeça no empate do Espanyol

 

© RCD Espanyol

 

O Espanyol continua a sua sequência negra, tendo esta sexta-feira somado o sexto encontro consecutivo sem vencer. A jogar em casa diante do Sevilha, os catalães empataram a dois golos, na partida inaugural da jornada 15 da Liga espanhola.

 

Com Rui Fonte de início, o Espanyol entrou bem na partida e aos 13 minutos conseguiu adiantar-se no marcador, com um golo de Verdú, de penálti. No entanto, 11 minutos depois, os andaluzes chegaram ao empate, por intermédio de Rakitic, também na sequência de uma grande penalidade.

 

A missão da formação visitante complicou-se ainda antes do intervalo, quando José Antonio Reyes foi expulso, ao ver dois amarelos em seis minuto (33' e 39'). Apesar da inferioridade numérica, o Sevilla aguentou o empate até ao descanso.

 

Na segunda metade, em cima da hora de jogo, e apenas um minuto depois de ter entrado (59', para o lugar de Rui Fonte), o português Simão Sabrosa fez o golo da reviravolta, na sequência de um canto, onde marcou de... cabeça no coração da área.

 

O encontro continuou favorável aos catalães, que pareciam estar no bom caminho para alcançar a vitória, mas a insistência dos andaluzes deu frutos em cima do apito final, com Negredo (90'+1) a fazer o empate.

 

Com este resultado, o Espanyol continua a ser último, agora com 11 pontos, os mesmos que o Deportivo, enquanto o Sevilha iguala o Rayo Vallecano, com 19, no 10.º posto.

 

Fonte: Record

publicado por Sara Branco às 23:06
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 5 de Dezembro de 2012

«Ver o Benfica em Barcelona mexe comigo»

© Sapo Desporto

 

Simão despediu-se de forma emocionada do Benfica em 2007. Cinco anos depois reencontra-se com o clube português. Não se trata de um regresso ao Benfica, mas sim de um encontro de circunstância na cidade de Barcelona, onde agora representa o Espanyol. Para o internacional português será um jogo especial. Afinal, estarão em campo duas das equipas que representou ao longo da sua carreira. Com 33 anos, Simão fala ao SAPO Desporto sobre o presente no Espanyol e um futuro que se aproxima cada vez mais do fim da carreira.

 

- O regresso do Benfica à cidade onde está a jogar mexe emocionalmente consigo?

Claro que mexe, ver o Benfica aqui mexe comigo a todos os níveis. É um jogo muito importante para o clube, a cidade está cheia de adeptos do Benfica e há muitos jornalistas aqui também… Hoje já fui abordado por alguns adeptos, que me perguntaram pelo regresso. Vou estar a torcer pelo Benfica. 

 

- Espera regressar a Portugal?

Não sei o que irá acontecer, mas gostava de voltar a Portugal. Tenho saudades do meu país, de estar em casa. Vamos ver o que vai acontecer no futuro.

 

- O Benfica surge esta noite algo “remediado”, face às ausências de Salvio, Enzo Pérez e Melgarejo, enquanto o Barcelona opta por chamar vários jogadores da sua cantera. O que se pode esperar do jogo?

O Benfica tem um bom plantel. Há jogadores que não viajaram, mas há outros que têm qualidade, como Gaitán, que não tem sido utilizado. Gosto muito de o ver jogar e hoje deve ter essa possibilidade. Já o Barcelona vai ser sempre uma equipa complicada e forte, mesmo com jogadores das camadas jovens. Eles estão habituados à filosofia de jogo da equipa.

 

- Os adversários queixam-se do estilo de jogo do Barcelona, que quase monopoliza a posse de bola. Como pode o Benfica anular esse sistema?

Aqui em Barcelona é muito complicado. O campo é enorme e eles fazem-no parecer ainda maior. Se quando jogamos em casa o Barça já é difícil, em casa é ainda mais complicado. Vai ser um jogo aberto, onde o Barcelona vai ter mais posse de bola, mas o Benfica tem de surpreender em contra-ataque, com jogadores como Lima e Rodrigo.

 

- Se pudesse apostar no Totobola, qual seria o seu palpite?

É difícil! Prefiro que o Benfica ganhe, porque quero que continue na Liga dos Campeões. É bom para o futebol português e para o próprio Benfica. Tenho um carinho muito grande pelo clube.

 

- Trocou algumas palavras com a equipa?

Não, não. Não tive oportunidade de falar com ninguém. Tenho uma excelente relação com o presidente e com alguns jogadores, mas não chegámos a falar. É normal, porque nesta altura os jogadores querem estar concentrados no jogo.

 

- Vai ver o desafio a Camp Nou?

Sim, vou ao estádio. Apesar de ser jogador do Espanyol não tenho qualquer problema. Os adeptos do Barcelona respeitam-me muito e vou apoiar o Benfica.

 

- Diz-se que o ambiente no estádio do Espanyol é mais fervoroso que o de Camp Nou. Concorda com essa opinião?

Concordo. Apesar de o Estádio do Barcelona levar muitos mais adeptos, o nosso estádio é novo, dá para 35 mil pessoas e conta com adeptos mais fervorosos. Tem sido bom.

 

- O Espanyol conta agora com Javier Aguirre no comando, sendo este um treinador que o conhece bem dos tempos do At. Madrid. Acha que vai poder mostrar “o melhor Simão”?

Vou ter de mostrar. Cheguei aqui a meio de agosto sem ter feito a pré-temporada e eles já tinham quase dois meses de trabalho. Foi complicado chegar ao nível em que eles já estavam, custou-me imenso… Agora já estou num bom momento de forma.

 

- Como avalia os primeiros dias com o novo treinador?

Quando há uma mudança é sempre bom. Estamos a assimilar bem os primeiros dias de trabalho. Já o conhecia das duas épocas no Atlético de Madrid, sei como é, sei como trabalha e o que pretende dos jogadores. Estamos a trabalhar bem para começar a somar pontos.

 

- Muitas vezes olha-se para um jogador acima dos 30 anos como um “velho”. Aos 33 anos, como encara esse rótulo?

Temos de respeitar, mas sabemos que não é bem assim. Há jogadores com 35, 36 e até 38 anos em bom nível, sobretudo em Itália. Enquanto as lesões nos respeitarem, jogadores com mais de 30 anos não têm qualquer problema se se cuidarem. Temos casos de jogadores que chegaram e conseguiram manter esse nível durante muito tempo.

 

- Até onde quer chegar na sua carreira?

É muito complicado estipular uma data ou o fim de uma etapa. Espero jogar pelo menos mais dois ou três anos a bom nível. Enquanto continuar a ter a mesma paixão pelo futebol e a mesma alegria, irei continuar a jogar. No entanto, tenho consciência que estou mais perto do fim.

 

 
Fonte: Sapo Desporto
 
publicado por Sara Branco às 19:20
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Simão Sabrosa: «Sporting tem de estar lá em cima»

 

© RCD Espanyol

 

Simão Sabrosa, que representa o Espanyol, fez esta quarta-feira a antevisão do dérbi lisboeta entre Sporting e Benfica, em Alvalade (dia 10; 20H15) e, depois de manifestar a confiança num bom espetáculo, destacou que é importante que os leões saiam da má fase.

 

"Vai ser uma partida superdifícil para ambas as equipas. Dérbi é dérbi e, como acontece muitas vezes, o que está menos bem acaba por fazer bons jogos. Vai ser bom um jogo para ver", começou por afirmar em declarações à Antena 1, para depois avaliar os leões, que representou, tal como as águias:

 

"Ao Sporting falta apenas limar algumas coisas para voltar a ganhar. E o Sporting tem de estar lá em cima, para bem do futebol português".

 

Fonte: Record

publicado por Sara Branco às 15:12
link do post | comentar | favorito

Simão Sabrosa: «Barcelona vai manter o seu estilo de jogo»

© Record

 

A ausência de vários dos habituais titulares do Barcelona não vai baixar o grau de dificuldade que o Benfica enfrentará para deixar o Camp Nou com o único resultado que assegura a continuação na Liga do Campeões sem depender de terceiros, no encontro da noite desta quarta-feira.

 

Mas Simão Sabrosa, antigo futebolista dos encarnados e dos catalães, sublinha que pode haver festa portuguesa em Barcelona.

 

"Vai ser muito complicado, apesar de não estarem convocados alguns jogadores. A jogar naquele estádio, eles são sempre muito fortes, mas o Benfica pode dar uma alegria enorme aos adeptos", salientou o extremo português agora ao serviço do Espanyol, em declarações à Antena 1.

 

"O Barcelona vai conseguir manter o seu estilo de jogo, pois os jogadores da 'cantera' treinam com a equipa principal e estão habituados ao mesmo sistema de jogo", encerrou Simão Sabrosa.

 

Fonte: Record

publicado por Sara Branco às 13:25
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 3 de Dezembro de 2012

«Simão vai a Camp Nou disfarçado»

© rcdespanyol

 

«Simão está louco por ir a Camp Nou ver o Benfica. Ele quer ir. Vai disfarçado (risos)

A frase pertence a Joan Capdevila, ex-jogador do Benfica, agora ao serviço do Espanhol, em entrevista ao jornal «O Jogo», a propósito da visita das «águias» a Camp Nou. O internacional espanhol não vai ao estádio ver o jogo da Liga dos Campeões, dada a rivalidade entre Barcelona e Espanhol, mas diz que o colega português tenciona ir.

 

Fonte: Maisfutebol

publicado por Sara Branco às 21:36
link do post | comentar | favorito
Este blog é dedicado ao grande jogador, antigo internacional português, Simão Sabrosa, tendo como principal objectivo fornecer a maior quantidade de notícias e informações sobre o seu dia-a-dia, tanto dentro como fora de campo. Para além disso pretendo com isto, homenageá-lo e demonstrar-lhe que mesmo a jogar no estrangeiro, conta com todo o meu apoio. Obrigada pela visita, Sara Branco.

Nome:
Simão Pedro Fonseca Sabrosa
D. Nascimento: 31/10/1979
Idade: 37 anos
Nacionalidade: Portuguesa
Naturalidade: Constantim, Vila Real
Altura: 1,70 cm
Peso: 64 kg
Clube Actual: NorthEast United FC
Nº da Camisola: 20
Posição: Extremo
Clubes Anteriores: Sporting CP, FC Barcelona, SL Benfica, Atlético de Madrid, Besiktas JK e RCD Espanyol

Taça de Portugal
Época: 2003/2004
Clube: SL Benfica


SuperLiga Portuguesa
Época: 2004/2005
Clube: SL Benfica


Supertaça Portuguesa
Ano: 2005
Clube: SL Benfica


Liga Europa da UEFA
Época: 2009/2010
Clube: Atlético de Madrid


Supertaça Europeia
Ano: 2010
Clube: Atlético de Madrid


Taça da Turquia
Época: 2010/2011
Clube: Besiktas


Campeonato da Europa Sub-17
Ano: 1996
País anfitrião: Áustria
Giovanni Trapattoni:
«Simão Sabrosa representa, no futebol moderno, o jogador completo.»

José Mourinho:
«Simão é de um nível superior a todos os demais, com ritmo, classe, inteligência táctica.»

Rafael Benitez:
«Simão é um excelente jogador. Tem qualidade, velocidade e experiência.»

Ronald Koeman:
«Eu estava no Barça B quando Simão chegou ao clube. Pode ser que na altura fosse demasiado jovem, mas agora explora as suas qualidades. É rápido, joga nas duas alas e o seu rendimento é bom […] É um jogador muito importante.»

2017:
Novembro 2017
Outubro 2017
Setembro 2017
Agosto 2017
Julho 2017
Junho 2017
Maio 2017
Abril 2017
Março 2017
Fevereiro 2017
Janeiro 2017

2016:
Dezembro 2016
Novembro 2016
Outubro 2016
Setembro 2016
Agosto 2016
Julho 2016
Junho 2016
Maio 2016
Abril 2016
Março 2016
Fevereiro 2016
Janeiro 2016

2015:
Dezembro 2015
Novembro 2015
Outubro 2015
Setembro 2015
Agosto 2015
Julho 2015
Junho 2015
Maio 2015
Abril 2015
Março 2015
Fevereiro 2015
Janeiro 2015

2014:
Dezembro 2014
Novembro 2014
Outubro 2014
Setembro 2014
Agosto 2014
Julho 2014
Junho 2014
Maio 2014
Abril 2014
Março 2014
Fevereiro 2014
Janeiro 2014

2013:
Dezembro 2013
Novembro 2013
Outubro 2013
Setembro 2013
Agosto 2013
Julho 2013
Junho 2013
Maio 2013
Abril 2013
Março 2013
Fevereiro 2013
Janeiro 2013

2012:
Dezembro 2012
Novembro 2012
Outubro 2012
Setembro 2012
Agosto 2012
Julho 2012
Junho 2012
Maio 2012
Abril 2012
Março 2012
Fevereiro 2012
Janeiro 2012

2011:
Dezembro 2011
Novembro 2011
Outubro 2011
Setembro 2011
Agosto 2011
Julho 2011
Junho 2011
Maio 2011
Abril 2011
Março 2011
Fevereiro 2011
Janeiro 2011

2010:
Dezembro 2010
Novembro 2010
Outubro 2010
Setembro 2010
Agosto 2010

2009:
Junho 2009

2007:
Julho 2007

2004:
Dezembro 2004

2002:
Novembro 2002

2001:
Agosto 2001
Julho 2001

2000:
Junho 2000